EFEITOS DE TRATAMENTOS DE SUPERFÍCIE NA RESISTÊNCIA DE UNIÃO DE ZIRCÔNIA TETRAGONAL PARCIALMENTE ESTABILIZADA POR ÍTRIA: CERCON E PRETTAU ANTERIOR

Por Administrador

Edição V18N01 | Ano 2021 | Editorial Artigo de Pesquisa | Páginas 54 até 65

Saturnino CALABREZ-FILHO, Gilberto Antônio BORGES, Amanda Nascimento CALABREZ, Benito André Silveira MIRANZI, Giovanna Nascimento CALABREZ, Luis Henrique BORGES

Objetivo: O objetivo do presente trabalho foi avaliar os efeitos de tratamentos de superfície na resistência de união da zircônia tetragonal parcialmente estabilizada por ítria (Y-TZP). Métodos: Dois tipos de cerâmicas Y-TZP (Zirconia Cercon®, Dentsply DeguDent e Zirconia Prettau® An- terior®, Zirkonzahn) foram condicionados e divididos em seis grupos: G1) Cercon-Al2 O3 50μm; G2) Cercon-Al2 O3 50μm + Rocatec Soft; G3) Cercon- Al2 O3 50μm + Rocatec Plus; G4) Prettau Anterior-Al2 O3 110μm; G5) Prettau Anterior-Al2 O3 110μm + Rocatec Soft; e G6) Prettau Anterior-Al2 O3 110μm + Rocatec Plus. Matrizes confeccionadas em silicone por condensação, com espessura de 0,5mm e três orifícios internos de 0,8mm de diâmetro, foram posicionadas sobre os discos de zircônia. O cimento resinoso Variolink II (Ivoclar Vivadent) foi manipulado de acordo com as instruções do fabricante e inserido nos orifícios das matrizes. Sobre a matriz de silicone, foram posicionadas tiras de poliéster e uma lâmina de vidro e, sobre o conjunto, foi aplicada uma força constante de 0,454kgf (1 libra-força) por 1 minuto. A fotoativação foi realizada com aparelho (Radii-Cal – SDI) por 40 segundos; em seguida, foi realizada a retirada da matriz, obtendo-se três tags de cimento resinoso. As amostras foram armazenadas por 24 horas a 37oC, 100% de umidade relativa e, posteriormente, foi realizada a termociclagem, em um total de 1.000 ciclos, variando a temperatura de 5oC a 55oC (± 1oC). Em seguida, foi realizada aplicação do teste de resistência ao microcisalhamento, com um cinzel acoplado a uma máquina de ensaios mecânicos EMIC DL 3000® (EMIC, São José dos Pinhais/PR, Brasil), com velocidade constante de 0,05 mm/min até a fratura. Os dados foram submetidos aos ensaios de normalidade (Shapiro-Wilk), homogeneidade (Bartlett), ANOVA e teste post-hoc de Tukey, com α≥5%. Resultados: A resistência de união da cerâmica Cercon com trata- mento com Al2 O3 e Rocatec Soft foi menor, com diferença estatisticamente significativa para o tratamento com Rocatec Plus. A cerâmica Prettau Anterior não apresentou diferença esta- tística entre os diferentes tipos de tratamentos. Conclusão: O tratamento triboquímico com Rocatec melhora a resistência de união para a cerâmica Cercon estabilizada com ítria, mas não teve influência na cerâmica de alta translucidez Prettau Anterior.

Zircônia. Tratamento de superfície. Resistência de união.

Calabrez-Filho S, Borges GA, Calabrez AN, Miranzi BAS, Calabrez GN, Borges LH. Effects of surface treatments on the bond strength of tetragonal zirconia partially stabilized by yttria: Cercon e Prettau Anterior. J Clin Dent Res. 2021 Jan-Apr;18(1):54-65.