Efeito de dentifrícios clareadores, contendo peróxido de hidrogênio ou de carbamida, na adesão ao esmalte dentário

Por Administrador

Edição V15N02 | Ano 2018 | Editorial Artigo Original | Páginas 100 até 108

Flávio Warol, Angela Scarparo, Fernanda Signorelli Calazans, Roberta Barcelos, Marcos de Oliveira Barceleiro

Este estudo avaliou o efeito de dentifrícios clareadores sobre a resistência da união ao microcisalhamento ( CM) ao esmalte em diferentes tempos decorridos após a finalização do protocolo de clareamento. Trinta amostras, provenientes de 15 terceiros molares, foram divididas em seis grupos: G1 e G4 (Crest baking soda & peroxide), G2 e G5 (Optic White), e G3 e G6 (Colgate Total 12). As amostras foram submetidas ao ensaio de escovação mecânica em 3 sessões diárias de escovação, de 3 minutos cada, por 15 dias. Os dentes foram restaurados imediatamente (G1, G2 e G3) e 15 dias (G4, G5 e G6) após o clareamento, sendo, então, submetidos ao teste CM. Os dados foram analisados por ANOVA e teste de Tukey (p < 0,05). Os grupos G1 e G4 apresentaram menores valores de resistência ao CM; contudo, as restaurações realizadas imediatamente ou 15 dias após o período de escovação apresentaram valores de CM semelhantes (p < 0,05) independentemente do dentifrício. Pode-se concluir que a utilização desses dentifrícios não comprometeu a resistência da união, nos dois tempos analisados.

Warol F, Scarparo A, Calazans FS, Barcelos R, Barceleiro MO. Effect of whitening dentifrices containing hydrogen peroxide or carbamide peroxide, in bond adhesion to dental enamel. J Clin Dent Res. 2018 May-Aug;15(2):100-8. DOI: https://doi.org/10.14436/2447-911x.15.2.100-108.oar