Avaliação do potencial de desmineralização do gel de clareamento dental (peróxido de hidrogênio a 35%) sobre o esmalte bovino

Por Administrador

Edição V15N01 | Ano 2018 | Editorial Artigo Original | Páginas 105 até 109

Tatiana Ortega Troglio, Julio Katuhide Ueda, Veridiana Camilotti, Priscilla do Monte Ribeiro Busato, Adriano Tomio Hoshi

Objetivo: essa pesquisa teve como objetivo realizar uma análise quantitativa do potencial de desmineralização do gel clareador dental à base peróxido de hidrogênio a 35%, comparando- o com o ácido fosfórico a 37%, em amostras de esmalte bovino. Métodos: quinze fragmentos de esmalte bovino com 30 ± 2mm2) foram preparados e divididos em três grupos (n = 5): grupo I – soro fisiológico, sem agente clareador; grupo II – gel clareador de H2O2 a 35%, aplicado por três vezes de 15 minutos cada; e grupo III – ácido fosfórico a 37%, por 30 segundos. Os espécimes foram pesados em uma balança analítica antes e depois da imersão nas soluções testadas. A desmineralização foi calculada utilizando-se esses pesos e dimensões da amostra. Resultados: os valores obtidos foram submetidos à análise estatística, que indicou que o peróxido de hidrogênio a 35% leva a uma desmineralização do esmalte estatisticamente inferior ao condicionamento com ácido fosfórico a 37%, e semelhante ao grupo controle (soro fisiológico). Conclusão: pode-se afirmar que o clareamento dental com peróxido de hidrogênio a 35% apresenta-se como um procedimento odontológico viável, sendo tolerado pelo esmalte dental.

Troglio TO, Ueda JK, Camilotti V, Busato PMR, Hoshi AT. Evaluation of the demineralization potential of dental bleaching gel (35% hydrogen peroxide) in bovine enamel. J Clin Dent Res. 2018 Jan-Mar;15(1):105-9. DOI: https://doi.org/10.14436/2447-911x.15.1.105-109.oar