Influência dos tratamentos de superfície na força de união das cerâmicas em zircônia

Por Administrador

Edição V12N02 | Ano 2015 | Editorial Artigo Inédito | Páginas 71 até 79

Alessandra Satake, José Luiz Guimarães de Figueiredo, Walter Leonardo Siqueira Zaia

Introdução: esse trabalho analisou evidências científicas atuais sobre os métodos de tratamento de superfície da zircônia, de acordo com a literatura científica do período de janeiro de 2007 a fevereiro de 2012. Infraestruturas de zircônia ganharam destaque entre os materiais de prótese fixa devido às suas propriedades físicas, biológicas e estéticas. Contudo, o processo de união dessa estrutura aos cimentos odontológicos ainda é motivo de questionamentos. As cerâmicas em zircônia se caracterizam por apresentarem uma superfície extremamente dura e não possuírem sílica em sua composição, impossibilitando o emprego do tratamento padrão utilizado para as cerâmicas feldspáticas. Vários tipos de tratamento de superfície vêm sendo investigados, na tentativa de melhorar a interface de união cimento/zircônia. Método: as bases de dados utilizadas foram Medline, Pubmed, Web of Science e Library Cochrane. Após o levantamento bibliográfico, foram encontrados 125.844 estudos, dos quais apenas 376 pesquisas eram sobre o tema da pesquisa; nenhum estudo clínico foi encontrado, somente estudos ‘in vitro’. Foram aplicados critérios de inclusão e exclusão, restando 21 artigos para a análise final. Resultados: após a extração dos dados, observou-se que os melhores resultados foram encontrados na associação do jateamento ou revestimento de sílica com primers metálicos ou silanos. Conclusão: não foi possível realizar uma análise quantitativa, devido à heterogeneidade dos estudos em relação ao tipo de tratamento, cimento utilizado, tipo de envelhecimento, teste mecânico, forma de aplicação do teste de termociclagem, forma de armazenamento, entre outros. É necessário o estabelecimento de normas internacionais para realização de pesquisas científicas.

Satake A, Figueiredo JLG, Zaia WLS. Influência dos tratamentos de superfície na força de união das cerâmicas em zircônia. Rev Dental Press Estét. 2015 abr-jun;12(2):71-9.