Mimetização de prótese parcial fixa em caso de fluorose dentária

Por Administrador

Edição V10N01 | Ano 2013 | Editorial Caso Clínico | Páginas 108 até 114

Marcele Jardim Pimentel, Juan Pablo Arréllaga, Giselle Rodrigues Ribeiro, Letícia Machado Gonçalves, Altair Antoninha Del Bel Cury

Introdução: o sucesso estético em prótese dentária, seja em reabilitações extensas ou unitárias, se baseia na mimetização da peça protética. A não percepção da substituição da estrutura dentária perdida é o objetivo atual na Odontologia Restauradora. A presença de manchas ou características específicas torna essa camuflagem mais difícil e, a necessidade de esconder a prótese torna-se um desafio. Objetivo: descrever a confecção de uma prótese fixa metalocerâmica caracterizada em paciente diagnosticado com fluorose intensa e generalizada. Descrição do caso: foi utilizada a técnica da estratificação com representação de manchas opacas através de ranhuras irregulares, bem como o registo fotográfico como método auxiliar na transmissão de informação entre o protesista e o laboratório. Conclusão: a caracterização das manchas se mostrou um método importante a ser considerado na reabilitação bucal, tornando o sorriso mais harmonioso.