Verdade(s)

Por Administrador

Edição V04N04 | Ano 2007 | Editorial Editorial | Páginas 3 até 3

Sidney Kina

O que melhor nos caracteriza, o ódio ou o amor? O que é mais crucial para a sobrevivência, a competição ou a cooperação? Estas perguntas estão no livro de Frans de Wall, o “Eu Primata” (Companhia das Letras, 2007), e tentam ser respondidas a partir da visão de um antropólogo. Entretanto, estas questões equivalem a se perguntar o que é melhor, medir uma superfície a partir da sua largura ou de seu comprimento? Buscar respostas a estas perguntas significa focar a partir de um único ponto de vista – que geralmente, é a mais favorável e vantajoso naquele momento. Somos – como conclui de Wall – seres bipolares. Não se pode buscar uma resposta de um único pólo. Necessitamos sempre da compreensão e da coalizão dos dois pólos, ou como diria a sabedoria oriental: yin e yang.