Atrição e suas implicações clínicas

Por Administrador

Edição V04N01 | Ano 2007 | Editorial Biologia da Estética | Páginas 124 até 132

Alberto Consolaro Com A Colaboração De Maria Fernanda Martins-ortiz Consolaro E Leda Francischone

A confusão conceitual e terminológica passa a ser danosa quando implica na compreensão equivocada de lesões e fenômenos, com opções terapêuticas inadequadas. Nas aulas e workshops, a grande maioria dos profissionais participantes apresenta dificuldades em distinguir e nomear atrição, abrasão, erosão e abfração. Compreende-se que a sonoridade parecida dos termos e o aprendizado na graduação, baseado na memorização imediata de conceitos, levem a estas dúvidas conceituais.