Clareamento externo: uma solução conservadora para dentes com calcificação distrófica. Relato de caso clínico com trinta meses de acompanhamento

Por Administrador

Edição V02N02 | Ano 2005 | Editorial Artigo Inédito | Páginas 57 até 65

Leonardo Muniz, Juliana Longa Fernandes, Paula Mathias, Ceres Mendonça Fontes

O traumatismo dentário, além de alterações imediatas como a fratura e o deslocamento do dente, pode provocar alterações mediatas do tipo: necrose ou calcificação distrófica da polpa. A calcificação é geralmente, acompanhada de alterações cromáticas do dente, provocando uma desarmonia estética do sorriso. Tradicionalmente, essas alterações eram tratadas com procedimentos restauradores invasivos, como facetas e coroas dentárias. Hoje, para casos onde há impossibilidade de acesso aos sistemas de canais radiculares, o clareamento dentário externo possibilita uma solução estética conservadora e biológica. Este trabalho apresenta um caso clínico de alteração severa da cor de um incisivo central superior direito, com aparente calcificação total da polpa coronária e radicular. O tratamento englobou 6 sessões de clareamento dentário externo utilizando o peróxido de hidrogênio a 35% (Whiteness HP). A devolução da cor natural do dente descartou a necessidade de associar técnicas restauradoras invasivas. Durante 30 meses de acompanhamento, foi observada apenas uma discreta recidiva aos 15 meses, que foi tratada com apenas uma sessão adicional de clareamento em consultório, sendo suficiente para retornar à coloração normal do dente.