Avaliação subjetiva da função do nervo alveolar inferior após cirurgia de lateralização

Por Administrador

Edição V07N01 | Ano 2013 | Editorial Artigo Inédito | Páginas 71 até 78

Cleiton Gaubi Campos, Ana Paula Piccoli, Fabiano Carlos Marson, Mário dos Anjos Neto-Filho, Luiz Fernando Lolli, Cléverson O, Silva

Introdução: a lateralização do nervo alveolar inferior é uma opção de tratamento para mandíbulas atróficas em que a reabilitação protética fica limitada pela reabsorção vertical na região posterior que resulta na proximidade entre o canal mandibular e o rebordo alveolar. Essa manobra cirúrgica pode resultar em dormência e alteração sensorial ao longo do trajeto do nervo. Objetivo: avaliar a função do nervo alveolar inferior e a satisfação do paciente após cirurgia de lateralização. Métodos: foram realizadas 20 cirurgias de lateralização com instalação imediata de 52 implantes. Todos os pacientes foram operados pelo mesmo cirurgião, seguindo um protocolo cirúrgico padronizado. Após 6 meses do procedimento, os pacientes responderam um questionário sobre a presença de alteração sensorial após a cirurgia e a satisfação com o resultado do procedimento. Resultados: todos os indivíduos relataram perturbação sensorial transitória inicial, com relatos de melhora a partir do terceiro dia, ocorrendo, em média, 45 dias após a cirurgia. Em um caso não houve melhora por completo em 6 meses. Mesmo com as alterações sensoriais, todos os pacientes fariam novamente ou indicariam a realização da cirurgia. Conclusões: a lateralização do nervo alveolar inferior pode ser segura e previsível, resultando em alteração sensorial mínima e reversível, sem danos significativos ao paciente, desde que realizada com protocolo cirúrgico padronizado.

Campos CG, Piccoli AP, Marson FC, Anjos Neto-Filho M, Lolli LF, Silva CO. Subjective assessment of inferior alveolar nerve function after lateralization surgery. Dental Press Implantol. 2013 Jan-Mar;7(1):71-8