Avaliação dos tecidos peri-implantares em pacientes reabilitados com próteses totais fixas implantossuportadas

Por Administrador

Edição V04N04 | Ano 2010 | Editorial Artigo Inédito | Páginas 89 até 101

Suzanne Mascarenhas Guerrera, Viviane Rabelo, André Carlos de FREITAS, Robson G, MENDONÇA, Sérgio WENDELL, Luis Rogério DUARTE

Este estudo propõe uma avaliação das condições dos tecidos peri-implantares em pacientes reabilitados com próteses totais fixas sobre implantes em maxilas e/ou mandíbulas, atendidos no Curso de Especialização em Implantodontia da Universidade Federal da Bahia (UFBA). A amostra constituiu-se de oito pacientes, e foram analisados mobilidade, dor, profundidade de sondagem, índice de placa, índice de sangramento, supuração e faixa de tecido ceratinizado. De um total de 49 implantes avaliados, apenas um (2,04%) apresentou peri-implantite (com supuração e profundidade de sondagem de 6mm). Os resultados confirmam a necessidade de se estabelecer um programa de terapia de suporte para o paciente reabilitado com implantes osseointegrados.