Tratamento de pigmentação melânica gengival por abrasão epitelial: relato de casos clínicos

Por Administrador

Edição V02N01 | Ano 2008 | Editorial Artigo Inédito | Páginas 47 até 57

Paulo Fernando Mesquita de CARVALHO, Patricia Ramos CURY, Robert Carvalho da SILVA, Julio Cesar JOLY, Danilo Lazari CIOTTI

A hiperpigmentação melânica gengival não representa uma patologia, mas pode ser um problema estético para muitos indivíduos, especialmente quando associada à linha de sorriso alta. Existem várias alternativas de tratamento, incluindo a abrasão epitelial. O objetivo deste trabalho é apresentar uma condição clínica de hiperpigmentação melânica gengival tratados pela técnica da abrasão epitelial com instrumentos rotatórios. A técnica de abrasão epitelial mostrou-se efetiva na remoção do pigmento melânico, possibilitando satisfação estética aos pacientes. O acompanhamento pós-operatório mostrou que existe a possibilidade de repigmentação localizada à longo prazo.