APOIO INSTITUCIONAL

Enxaguatório experimental com nano-HAp para uso caseiro no tratamento da erosão dentária

Edição V15N2  |  Ano 2018  |  Categoria: Artigo Original  |  Página 62 até 80

Autores

Fernanda Signorelli Calazans, Marcelino José dos Anjos, Ramon Silva dos Santos, Rafael Pinto de Mendonça, Thárcila de Medeiros Jabor Ferreira, Gabriela Ribeiro Pereira, Joaquim Teixeira de Assis, Mauro Sayão de Miranda

Resumo

Objetivo: o objetivo deste estudo foi avaliar, in vitro — por meio de fluorescência de raios X (FRX), microdureza superficial (MS) e imagens em microscopia eletrônica de varredura (MEV) —, o efeito dos seguintes compostos bioativos no esmalte dental bovino submetido à ciclagem des-remineralizante simulando lesão erosiva por alto desafio ácido: nanopartículas de hidroxiapatita de cálcio (nano-HAp) associadas ou não a fluoreto, fosfopeptídeos de caseína do leite e fosfato de cálcio amorfo (CPP-ACP) associados ou não a fluoreto, fluoreto de sódio e saliva. Métodos: 58 incisivos bovinos foram seccionados em fragmentos e divididos aleatoriamente em oito grupos e mais dois espécimes para imagens iniciais de MEV. Todos os dentes foram avaliados inicialmente e durante um período experimental de 10 dias, as amostras de esmalte foram submetidas à desmineralização erosiva por 6 x 2 min por dia. As amostras receberam os tratamentos correspondentes: pastas profissionais (nano-HAp; nano- HAp e fluoreto; CPP-ACP; CPP-ACP e fluoreto) e soluções aquosas (fluoreto de sódio; nano-HAp e nano-HAp + fluoreto de sódio). As amostras foram enxaguadas novamente com água destilada por 1 min e armazenadas em saliva artificial. O tempo entre os ciclos foi de 1,5h. Todos os espécimes foram avaliados novamente. Resultados/Conclusões: todos os tratamentos realizados nos grupos das pastas profissionais foram considerados eficazes na deposição mineral da superfície do esmalte dentário submetido ao ciclo de desafio erosivo. Os grupos que receberam tratamento com soluções foram efetivos, considerando MS e MEV, com exceção da solução de fluoreto de sódio (0,05%). A solução de nano-HAp associada ao fluoreto promoveu uma recuperação completa na contagem de P e Ca durante o ciclo e aumentou a MS, semelhante a todos os grupos de pastas profissionais.

Palavras-chave

Como citar

Calazans FS, Anjos MJ, Santos RS, Mendonça RP, Ferreira TMJ, Pereira GR, Assis JT, Miranda MS. Experimental mouth rinse with nano-HAp to be used at home for dental erosion treatment. J Clin Dent Res. 2018 May-Aug;15(2):62-80. DOI: https://doi.org/10.14436/2447-911x.15.2.062-080.oar

Compartilhar:

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email
Share on telegram
Share on print

Artigos relacionados: