Edit
Click here to add content.

Posso preparar o dente que a polpa resistirá às agressões operatórias? Critérios para avaliar a capacidade reparatória, reacional e defensiva da polpa antes de procedimentos operatórios. O complexo dentinopulpar envelhece ou se adapta?

Edição V13N3  |  Ano 2016  |  Categoria: Biologia da Estética  |  Página 18 até 38

Autores

Alberto Consolaro

Resumo

O uso inadequado dos dentes acelera o processo de envelhecimento e promove alterações de cor e forma, assim como modifica as características morfológicas, imagiológicas e biológicas do complexo dentinopulpar. A polpa envelhecida aceleradamente diminui sua capacidade defensiva, reacional e reparatória. Isso deve ser levado em consideração nas avaliações de planejamento de restaurações e outros procedimentos operatórios, onde é comum a dúvida: deve-se fazer o tratamento endodôntico, ou a polpa dentária resistirá às agressões dos desgastes profundos ou amplos próprios dos preparos operatórios? O presente artigo visa fundamentar biologicamente a resposta a esse questionamento e a compreensão de como ocorre o envelhecimento do complexo dentinopulpar e quais são as implicações clínicas!

Palavras-chave

Como citar

Consolaro A. With tooth preparation, will the pulp resist surgical aggression? Criteria to assess pulp reparative, reactional and defensive ability before surgical procedures. Does the dentin-pulp complex age or does it adapt? J Clin Dent Res. 2016 Jul-Sep;13(3):18-38. DOI: http://dx.doi.org/10.14436/2447-911x.13.3.018-038.bio

Compartilhar:

Artigos relacionados: