APOIO INSTITUCIONAL

Substituição de restaurações estéticas. Enxergamos os limites?

Edição V03N4  |  Ano 2006  |  Categoria: Artigo Inédito  |  Página 77 até 90

Autores

Claudia Cia Worschech

Resumo

Substituir restaurações estéticas, quer por comprometimento das mesmas, através de lesões cariosas, quer pela pigmentação superficial ou intrínseca da resina, que prejudica a qualidade estética da restauração, é um procedimento bastante executado nos consultórios odontológicos. Reconhecer os limites entre o dente e a restauração é um fator importante para que não haja desgaste desnecessário de estrutura dentária sadia. Indicadores coloridos, inseridos sob as restaurações, poderiam facilitar esse processo. Além disso, a magnificação obtida com o uso do microscópio operatório, sem dúvida, é um recurso imprescindível para que esses limites sejam facilmente determinados e para que o empirismo seja substituído pela clara e nítida visão daquilo que fazemos.

Palavras-chave

Como citar

Compartilhar:

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on email
Share on telegram
Share on print

Artigos relacionados: